Esporte & Cia

Friday, Dec 14th

Last update:11:04:38 PM GMT

You are here:

Faça agora, uma viagem encantadora pelo futuro

E-mail Imprimir PDF

Tenho o prazer de apresentar a partir de hoje, uma Série entitulada "INDAGAÇÕES SOBRE O FUTURO", com vários capítulos onde tento trazer um pouco das novidades que teremos num futuro muito próximo.

ATENÇÃO: Esta é uma obra fictícia. Uma Série entitulada "INDAGAÇÕES SOBRE O FUTURO", com vários capítulos onde tento trazer um pouco das novidades que teremos num futuro muito próximo.

A MEDICINA?
Em breve sairemos da idade da medicina do toque, para a virtual plena e uma cirurgia será questão de segundos, à distância e, na maioria dos casos, feita ainda quando o feto estiver no ventre da mãe, pois a doença, será facilmente descoberta antes mesmo da concepção e poderá ser curada quando o casal estiver ainda planejando a gravidez, agindo no óvulo ou no esperma. As doenças já existentes? Estas serão uma realidade apenas no início, quando a chamada medicina-astral começar a ser empregada (seu âmago está na mente do enfermo). A cura será tão simples que qualquer que seja a doença que imagine, esta será absoluta e perfeitamente curável. A morte será ainda um fantasma, porém, já não será tão assustadora.

OS ALIMENTOS?
Não mudará nada (conforme a Lei Vitaen que será editada mundialmente pelos MESTRES = ver abaixo). No futuro, apenas as técnicas de plantio serão um pouco mais avançadas. Devido à poluição das fontes naturais, o cultivo será realizado nos chamados bolsões climáticos artificiais - uma zona terrestre coberta com raios chamados VITAEN, disparados desde o solo e que curvam em parábola até 1.100 metros de altura e retornam ao solo. A umidade natural do solo, assim, encapsulada, produzirá núvens que regarão em tempos determinados. Os Vitaen surgem de fonte natural, da luz solar prismada, concentrada e disparada parabolicamente.

O AUTOMOBILISMO?
Tudo virtual! Sem perigos, mas, as mesmas regras. Isso já existe, mas será absolutamente real. Os esportes de um modo geral serão todos assim. Ser profissional no esporte não dependerá de condição física e sim, intelectual. Será uma atividade considerada secundária e dela participarão apenas os individuos que não se ajustarem às avançadas atividades intelectuais - mais ou menos como hoje em dia. Mas serão seres muito importantes porque trarão entretenimento, diversão, sem violências inúteis, sem torcidas organizadas para destruir e sim para construir. As torcidas serão absolutamente o que devem ser, ou seja, um grupo de torcedores e nada mais.

A EDUCAÇÃO?
Este será o único setor que não sofrerá virtualidade completa. Sabe por quê? Porque nada substitui a relação humana. A virtualidade irá até onde os políticos (que aliás, no futuro serão chamados MESTRES - absolutamente confiáveis),  aprovarem. Para resumir, haverá sim professores e não serão vituais - nada gravado. Os alunos vão à escola virtual, mas o professor não é virtual, é real. Meio difícil entender, mas, imagine seu filho sentado à frente do módulo estudantil - hoje em dia seria como se fosse um tablet, só que super avançado. Quando senta no módulo estudantil, o professor saberá da presença ou ausência em sua própria casa; cada qual em sua residência. Um aluno do Japão poderá ter aula com uma professora brasileira e vice-versa. Será tão real que nada escapará e tudo será exatamente como hoje em dia - muitos alunos aprendendo no mesmo módulo estudantil - a exceção será o recreio que será vivido cada um em seu próprio lar. Sem estresses, sem necessidade de gastar energias tais como (transporte escolar, material escolar, tempo no trânsito, combustível, etc). Este será um universo absolutamente fantástico e merece que numa outra oportunidade seja melhor detalhado. Voltarei a falar do assunto.

Voltarei a falar do assunto. Você gostou? COMENTE!

Veja também:

>> Faça agora, uma viagem encantadora pelo futuro
>> Veja agora mesmo como serão os carros do futuro