Esporte & Cia

Tuesday, Jan 16th

Last update:11:44:42 PM GMT

You are here:

Feijão encara Carreño nesta quinta no Brasil Open

E-mail Imprimir PDF

A rodada de quinta-feira do Torneio Aberto do Brasil - ATP 250 - Brasil Open 2017 terá o duelo entre o paulista João "Feijão" Souza e o espanhol Pablo Carreño Busta, além da estreia do atual bicampeão Pablo Cuevas. A rodada começa às 12h30 no Esporte Clube Pinheiros, na capital paulista.

Feijão e Carreño Busta se enfrentaram na primeira rodada no Rio de Janeiro, na última semana, e o espanhol levou a melhor, alcançando a final da competição. A partida acontece não antes das 17h na Quadra Central. Já Cuevas joga às 16h na Quadra 1, contra o argentino Facundo Bagnis, antes de disputar ao lado de Carreño Busta as quartas de final de duplas contra os italianos Fabio Fognini e Simone Bolelli.

Às 12h30, os brasileiros Rogério Dutra Silva e André Sá também buscam vaga na semifinal em jogo contra o norte-americano Nicholas Monroe e o neozelandês Artem Sitak. O duelo italiano entre Fognini e Alessandro Gianessi acontece não antes de 14h e o argentino Diego Schwartzman enfrenta o austríaco Gerald Melzer não antes de 18h30.

Português e argentino repetem duelo de Buenos Aires nas quartas de final

Cabeça de chave 4 do Brasil Open 2017, o português João Sousa venceu com tranquilidade na sua estreia no torneio na carreira, derrotando o argentino Renzo Olivo por 6/2 e 6/4. "Há dois anos que eu não jogava a gira de saibro. Este ano decidimos fazê-la. É uma gira longa e difícil, porque são muitas semanas fora de casa, mas é bom poder desfrutar do saibro, que é uma superfície que eu gosto muito. Eu nasci na terra", disse o número 37 do mundo.

Sousa terá outro argentino pela frente, o cabeça de chave 7 Federico Delbonis, que superou o norueguês Casper Ruud por 7/5 e 6/3. "Joguei um bom primeiro set, ele também estava bem, mas no final ele fez erros que não estava fazendo antes. Forcei bastante a esquerda dele, onde ele estava cometendo mais erros", comentou Delbonis.

Na partida entre Sousa e Delbonis em Buenos Aires, válida pela segunda rodada, o português levou a mehor. "Será um jogo divertido, de dois caras que se conhecem bem. Será um bom atrativo para o público", previu o canhoto argentino.

Recuperado de lesão, Demoliner estreia bem com parceiro fixo

Além de André Sá e Rogério Dutra Silva, o Brasil tem mais um representante nas quartas de final do Brasil Open, o gaúcho Marcelo Demoliner. Ele e seu parceiro neozelandês Marcus Daniell derrotaram o sérvio Dusan Lajovic e o brasileiro Eduardo Russi com parciais de 6/3 e 6/1.

Demoliner diz estar recuperado de uma distensão que sofreu na coxa em Montpellier, na França, no começo de fevereiro. "Foi o primeiro dia que eu me senti 100% e o que joguei sem tala. Fiquei mais de duas semanas me recuperando, perdi muito ritmo de jogo, fiquei 12 dias sem tocar na raquete. Esse jogo foi para ganhar confiança e entrar no torneio", disse o gaúcho. Eles enfrentam o peruano Sergio Galdos e o chileno Hans Podlipnik-Castillo em busca da vaga na semifinal.

Confira a programação de quinta-feira (02/03):

Quadra Central - 12h30
Nicholas Monroe (USA)/Artem Sitak (NZL) vs Rogério Dutra Silva (BRA)/André Sá (BRA)&#8232
Não antes de 14h
Alessandro Giannessi (ITA) vs Fabio Fognini (ITA)
Não antes de 17h
Pablo Carreño Busta (ESP) vs [WC]João Souza (BRA)
Não antes de 18h30
Gerald Melzer (AUT) vs [6]Diego Schwartzman (ARG)
Pablo Carreño Busta (ESP)/Pablo Cuevas (URU) vs Simone Bolelli (ITA)/Fabio Fognini (ITA)

Quadra 1 - 16h
[3]Pablo Cuevas (URU) vs Facundo Bagnis (ARG)