Esporte & Cia

Saturday, Nov 18th

Last update:08:32:06 PM GMT

You are here:

Brasil vence Coreia do Sul e alcança a quarta vitória

E-mail Imprimir PDF

A seleção brasileira feminina de vôlei segue invicta e sem perder sets nos Jogos Olímpicos do Rio. Nesta sexta-feira (12.08), a equipe do treinador José Roberto Guimarães alcançou a quarta vitória na competição ao superar a Coréia do Sul por 3 sets a 0 (25/17, 25/13 e 27/25), em 1h18 de partida no ginásio do Maracanãzinho, no Rio de Janeiro. A ponteira Natália foi a maior pontuadora do duelo com 16 acertos.

O time verde e amarelo, já classificado para as quartas de final, encerrará a participação na primeira fase às 22h35 deste domingo (14.08) contra a Rússia. A partida valerá o primeiro lugar do grupo A.

O Brasil lidera o grupo A, com 12 pontos (quatro vitórias). A Rússia aparece em segundo lugar com a mesma campanha das brasileiras, mas com um pior saldo de sets. A Coréia do Sul está na terceira posição, com seis pontos (dois resultados positivos e dois negativos).

Maior pontuadorda da partida desta noite, a ponteira Natália marcou 16 vezes e em todos os fundamentos – 12 de ataque, dois de bloqueio e dois de saque. Após o confronto, a jogadora comentou sobre a futura companheira de time, a coreana Kim, principal nome da seleção adversária e que, nesta sexta-feira, não contribuiu tanto para o seu time – a atacante marcou apenas sete pontos.

“A Kim tem que ter todo o respeito, é uma das melhores jogadoras do mundo, muito completa, mas hoje não esteva em um dia muito feliz. Bom para a seleção brasileira. Assim ela não complicou a nossa vida no jogo de hoje”, brincou Natália, que jogará ao lado da coreana na Turquia.

“Como ela é muito forte de ataque, temos que arranjar uma maneira de segurá-la. Optamos por sacar em cima dela e conseguimos tirá-la do jogo. Foi muito importante obedecer essa tática que o Zé Roberto determinou”, complementou Natália.

Para a oposto Sheilla, o grupo brasileiro está de parabéns pelas primeiras quatro atuações, mas, a partir da próxima rodada, quando a Rússia será o adversário, o cuidado deve ser maior.

“Nosso espírito dentro de quadra está gostoso, não estamos desistindo de nenhuma bola, estamos recuperando bolas consideradas impossíveis e jogar com essa energia da torcida está sendo muito bom. Até agora, tudo que foi proposto, foi feito, e sabemos que a partir de agora tudo fica mais difícil. A partir da Rússia, o nível muda um pouco”, analisou Sheilla.

Mais uma vez utilizada pelo técnico José Roberto Guimarães ao longo da partida, a ponteira Sheilla enfatizou a importância de todo o grupo está bem preparado. “Acho importante tudo que vem acontecendo com o nosso time, todas tendo um pouquinho de oportunidade e isso é primordial para o decorrer da Olimpíada. Fico muito feliz de poder ajudar sempre que entro”, disse Jaqueline.

A ponteira Fernanda Garay saiu de quadra satisfeita com o quarto resultado positivo consecutivo da seleção brasileira.

“Mostramos nas partidas anteriores o quando estamos evoluindo e pretendemos continuar assim. Estamos muito focadas, com uma preparação bem séria, quando acaba uma partida, já pensamos no próximo adversário, nos preparamos, estudamos, então, temos tudo para continuar assim e fazermos boas partidas”, concluiu Garay.

Outros resultados

Pelo grupo A, a Argentina conseguiu a primeira vitória nos Jogos Olímpicos do Rio ao superar Camarões por 3 sets a 2 (19/25, 25/19, 26/28, 25/21 e 15/13) e a Rússia superou o Japão por 3 sets a 0 (25/14, 30/28 e 25/18).

No grupo B, os Estados Unidos mantiveram a invencibilidade ao vencerem a Itália por 3 sets a 1 (25/22, 25/22, 23/25 e 25/20). A Sérvia levou a melhor sobre a China por 3 sets a 0 (25/19, 25/19 e 25/22) e a Holanda venceu Porto Rico por 3 sets a 0 (25/14, 25/22 e 25/16).

EQUIPES:

Brasil
Dani Lins, Sheilla, Fê Garay, Natália, Fabiana e Juciely. Líbero – Léia.
Entraram – Fabíola, Gabi, Jaqueline e Thaísa
Técnico – José Roberto Guimarães

Coréia do Sul
Lee, Kim Heejin, Lee JaeYeong, Kim Yeon Koung, Kim Su e Yang.  Líbero – Kim  Hae
Entraram – Jeong Park, Yoona Bae, Yoonju Hwang, Jie Youn Nam e Hyo Hee Lee
Técnico – Lee Jung Chul

Partidas do Brasil na fase classificatória dos Jogos Olímpicos do Rio

06.08 - Brasil 3 x 0 Camarões (25/14, 25/21 e 25/13)
08.08 – Brasil 3 x 0 Argentina (25/16, 25/19 e 25/11)
10.08 – Brasil 3 x 0 Japão (25/18, 25/18 e 25/22)
12.08 – Brasil 3 x 0 Coreia do Sul (25/17, 25/13 e 27/25)
14.08 - Brasil x Rússia às 22h35